A HORA DA TURMA DO MARKETING

Até agora, observamos as mudanças no Ministério da Cultura (MinC) como mera troca de nomes e de perfis profissionais. No entanto, vê-se claramente que o posicionamento dos novos secretários e secretárias do MinC consiste numa controversa maneira de gerir as atividades do setor, em detrimento de importântíssimas mudanças já instituídas.
Tínhamos o ecletismo, a paciência democrática de dar voz e vez às camadas populares e seus movimentos. Havia espaço para as contradições do ainda não definível campo dos direitos autorais; na clara intenção de compartilhar conhecimento que deve ser de todos e servir a todos desde que sejam respeitados e reconhecidos seus criadores. A questão dos direitos autorais é assunto determinante para o futuro, para a definição sólida e democrática do acesso a acervos, da possibilidade de todos poderem aprender e conhecer informações que, por vezes, poderiam ser consideradas dignas ou não-dignas de alguns poucos. Definitivamente, o assunto não pode ficar cercado apenas das inseguranças de autores ameaçados de não receberem seus direitos. Atualmente, existem muitas falhas e estas certamente são advindas de um sistema que, de tão grande e complexo, já não pode ser eficientemente controlado pelo ECAD ou por qualquer outro órgão que se habilite a isso. A solução deverá preservar tanto os autores quanto o valor imprescindível de acesso ao conhecimento.
A moderação nas decisões até então adotada pelo Minsitério da Cultura de Gilberto Gil e herdado por Juca Ferreira foi de fundamental importância para que chegássemos até o ponto em que estamos.
As mudanças são necessárias e a renovação de idéias também é. Porém, lideranças incipientes, podem ser desastrosas devido à sua pressa de mudar coisas e deixá-las conforme uma minoria queira.
Temos no novo MinC um grupo experiente de secretários e secretárias nomeados aparentemente em função de experiências acadêmicas. Esperamos que isto não signifique tornar o MinC um ministério do marketing cultural. Esperamos ainda que sábios e ponderados venham unir-se para a manutenção de conquistas democráticas que visam a diversidade e não somente o mercado.

Comentários

Americanas.com

Postagens mais visitadas deste blog

@Binoculocultura

@Binoculocultura
Notícias para seus projetos!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *