Economia criativa fomenta soluções inovadoras no Brasil


Quanto vale uma boa ideia? E uma boa ideia criada coletivamente? Este valor intangível pode ser incentivado, reconhecido e protegido a partir da “Economia Criativa”, um campo que tem muito a crescer no Brasil.
Pensando nisto, a ONG Garimpo de Soluções produziu, em conjunto com o jornalista Ricardo Mucci, cinco documentários de 25 minutos sobre o tema. Mais especificamente sobre como a Economia Criativa pode contribuir para o desenvolvimento socioeconômico das cidades brasileiras.
Batizada de Criaticidades, a série explica, em seu primeiro filme, como a Economia Criativa se tornou uma política pública na Inglaterra, a partir da força tarefa multissetorial, criada em 1997 pelo então primeiro ministro Tony Blair, para analisar as tendências de mercado e as vantagens competitivas daquele país frente à crescente competição econômica global.
No segundo documentário, explora quais são as questões a serem debatidas para buscar caminhos de sustentabilidade e de criatividade nas cidades. No terceiro, quais os setores criativos no Brasil; no quarto, mostra experiências bem-sucedidas em diferentes áreas relacionadas à economia criativa, tanto no Brasil como no exterior, com foco no empreendedor individual e, no quinto filme, destaca como as cidades de Paraty, no Rio de Janeiro, e Paulínia, em São Paulo, tornaram-se exemplos de desenvolvimento, inovação, conexão, cultura e de parceria entre o público e o privado.
Para conferir os filmes, acesse: http://www.criaticidades.com.br/
Toda esta corrente se delineou a partir do discurso do Primeiro-Ministro Paul Keating, da Austrália, em 1994, “Creative Nation” (Nação Criativa). Nele, Keating ressaltou a importância de aproveitar as oportunidades geradas pela globalização e pelas mídias digitais como forma de informar e enriquecer a criatividade das pessoas e sua contribuição para o desenvolvimento do país.

Americanas.com

Postagens mais visitadas deste blog

@Binoculocultura

@Binoculocultura
Notícias para seus projetos!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *