Fórum de Reitores do Rio de Janeiro


Ministra propõe parceria com universidades em atividades culturais na Copa do Mundo
A ministra da Cultura, Marta Suplicy, propôs nesta terça-feira (27/11), ao Fórum de Reitores do Rio de Janeiro, uma parceria com as universidades públicas e privadas do Estado no desenvolvimento de atividades culturais durante a Copa do Mundo da Fifa em 2014. Segundo a ministra, as universidades têm que estar presentes nos 40 dias da Copa, expondo seus saberes nas áreas científica, tecnológica, cultural e educacional.
“Quero dizer do apreço que tenho pelas universidades. Queremos muito esta parceria. Daqui a poucos meses teremos propostas concretas para o desenvolvimento destas atividades”, afirmou Marta Suplicy. De acordo com a ministra, a Copa e a Olimpíada são vitrines para os brasileiros conhecerem outros brasileiros e se mostrarem também para o mundo. “Se pensarmos na identidade brasileira, esta identidade é a cultura. A identidade é a diversidade do nosso povo”, acrescentou.
A ministra disse que as prioridades de sua gestão no MinC são a democratização do acesso à cultura e a inclusão social. Explicou como vão funcionar os 360 Centros Unificados de Artes e Esportes (Ceus), que deverão ser criados nos próximos dois anos em todo o país. E destacou a importância das universidades na capacitação de mão de obra para o setor cultural.
Participaram da reunião do Fórum, na Universidade Candido Mendes, no centro do Rio de Janeiro, reitores e representantes das 19 universidades públicas e privadas do Estado. Além da ministra, também esteve presente ao encontro o secretário de Políticas Culturais do MinC, Sérgio Mamberti.
O presidente do Fórum e reitor da Candido Mendes, professor Candido Antonio Mendes de Almeida, deu boas vindas à ministra e falou do desejo das universidades de cooperar com o Ministério da Cultura. Ele propôs a formação de uma rede para a promoção da Cultura no Rio, que incluiria os teatros, bibliotecas e centros culturais das universidades.
O reitor da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Ricardo Mota Miranda, destacou a estreita ligação entre educação e cultura e lembrou o papel da universidade como reforço da atuação cultural no país. Já o reitor da PUC do Rio, padre Josafá Carlos de Siqueira, falou sobre o esforço das universidades para criar projetos culturais e de inclusão de alcance nacional e mencionou os convênios assinados pela PUC com os governos da Bahia, de Pernambuco e do município do Rio para o estímulo à leitura.
(Texto: Heloisa Oliveira)
(Fotos: Pércio Campos)

Americanas.com

Postagens mais visitadas deste blog

@Binoculocultura

@Binoculocultura
Notícias para seus projetos!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *