Londres pode ter o primeiro CEU das artes brasileiras no exterior


Ministra articula a formulação de nossa cultura como instrumento de política externa
Ministra durante coletiva de imprensa
Dando continuidade à sua agenda oficial em Londres, a ministra Marta Suplicy participou, nesta terça-feira (4), de dois outros encontros que abriram amplas perspectivas para a presença da Cultura brasileira na Inglaterra. O primeiro foi com Maria Miller, secretária de Estado para Cultura, Mídia e Esporte do Reino Unido e em seguida com Jude Kelly, diretora artística do SouthBank e presidente do Comitê Organizacional para Cultura, Cerimônias e Educação dos Jogos Olímpicos – Londres 2012.
Em ambas as oportunidades, a ministra discutiu políticas culturais, a presença do Brasil no exterior, através de sua cultura, tanto diante dos grandes eventos esportivos que vamos sediar nos próximos 2 anos quanto para além deles.
Maria Miller falou da importância da cultura brasileira na Inglaterra e como a realização das olimpíadas em Londres aumentou essa presença. Reforçou, também, o interesse britânico em estabelecer parceria com o Brasil. Parcerias de longo prazo com impacto no turismo. Também foi apontado o interesse brasileiro para a produção de vídeos de formação cultural, o que ficou de ser encaminhado pelo governo inglês junto aos museus britânicos, através da Secretaria de Estado.
Marta se colocou à disposição para o constante intercâmbio entre os países, falou de projetos da pasta no Brasil, entre eles, os CEUs das Artes. A ministra reiterou o interesse do Brasil em conhecer experiências educacionais britânicas no ensino das artes e no  envolvimento comunitário nesta área.
Ministra Marta com Jude Kelly
Em seguida, Marta esteve com Jude Kelly, diretora artística do SouthBank, gigantesco conjunto cultural onde se pretende realizar um festival em homenagem ao Brasil, por ocasião da Copa do Mundo de Futebol de 2014. Durante o
almoço a diretora colocou à disposição a expertise do SouthBank na capacitação de gestores e administradores na área cultural. O SouthBank é uma instituição notável por trabalhar com a educação para as artes não só com escolas, mas, também, com comunidades e artistas. Já há projetos no Brasil, (Salvador), apoiados pela instituição.
Soft Power
Durante ambas as conversas, o tema da presença da cultura nas políticas externas dos países, para além da economia ou diplomacia, foi tratado. Este conceito tem ganhado cada vez mais força no Mundo com o nome de Soft Power.
CEU das artes brasileiras no exterior.
Em ambos os encontros, a ideia de CEUs das Artes brasileiras no exterior foi exposta e amadurecida.
O primeiro deles será na Embaixada brasileira em Londres, onde se aproveitará  um salão de 300 metros na lateral da entrada da Embaixada. A ideia, em um primeiro momento, é dar conhecimento da cultura brasileira e atrair o olhar do britânico para o Brasil além da copa.
Portugal também pode ter um CEU das Artes brasileiras no Espaço Brasil, recentemente inaugurado pela ministra Marta.
Coletiva de Imprensa
Encerrando a agenda do dia, a ministra Marta esteve em coletiva de imprensa onde expôs os resultados de sua passagem por Londres.
(Texto e fotos: Montserrat Bevilaqua)

Americanas.com

Postagens mais visitadas deste blog

@Binoculocultura

@Binoculocultura
Notícias para seus projetos!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *