Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Iphan

Binóculo Cultural Boletim Diário - 26/05/2020

Imagem
PF vai analisar interferência no Iphan Turismo de eventos: como será a retomada pós-pandemia? BH reabre inscrições para o Edital 2020 da Lei Municipal de Incentivo à Cultura Secretaria de Cultura lança edital para premiar quadrilhas juninas no DF; veja como participar Artistas enfrentam dificuldades por conta do isolamento social e pedem apoio a classe política Arábia Saudita concede 348 licenças para empresas estrangeiras

Binóculo Cultural Boletim Diário - 14/05/2020

Imagem
Episódio "Regina Duarte" - Entrevista com o vazio Procuradoria dá cinco dias para governo explicar escolha no comando do Iphan Novo secretário de Cultura de Minas fala sobre planos anticrise Crises dentro da crise: pandemia da covid-19 reforça a urgência da cibersegurança FAC investe R$ 13 milhões na economia criativa do DF Ancine vai regulamentar 'pré-prestação' de contas de projetos audiovisuais Dinheiro preso na Ancine poderia salvar cinema

Edital para Fomento do Patrimônio Cultural Imaterial de Grupos de Imigração

Imagem
O Departamento do Patrimônio Imaterial do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (DPI-IPHAN) lança nesta terça-feira, dia 02, edital para Apoio e Fomento ao Patrimônio Cultural Imaterial de Grupos de Imigração. A iniciativa é uma das ações do Programa Nacional do Patrimônio Imaterial (PNPI) instituído pelo governo federal em 2000.   Serão selecionados projetos de apoio a manifestações e práticas culturais de grupos de imigração formadores da sociedade brasileira, que contemplem, no mínimo, uma das seguintes atividades: mapeamento, pesquisa, produção bibliográfica e audiovisual, ações educativas, formação, capacitação, transmissão de saberes, apoio à organização e à mobilização comunitária e promoção da utilização sustentável dos recursos naturais. A intenção é valorizar as referências identitárias de grupos e comunidades provenientes de processos de migrações internacionais para o Brasil, visando contribuir para a promoção de sua sustentabilidade cultural. As

IPHAN lança edital para mestrado em preservação do patrimônio cultural

Imagem
IPHAN lança edital para mestrado em preservação do patrimônio cultural   O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) divulga nesta quarta-feira, dia 27 de março, o Edital de Seleção do Mestrado Profissional em Preservação do Patrimônio Cultural do IPHAN (PEP/MP/IPHAN). São oferecidas 20 bolsas de estudo para profissionais graduados em diversas áreas de conhecimento para atuarem no campo da preservação do patrimônio cultural. O curso, com 24 meses de duração, associa as práticas de preservação nas unidades do IPHAN, distribuídas em todo território nacional, ao aprendizado teórico-metodológico e à pesquisa. As inscrições estão abertas até o dia 30 de abril de 2013 e o início das atividades dos selecionados será dia 1º de agosto de 2013. Consulte o Edital [ aqui ] Textos para elaboração do ensaio crítico (autores). Referência completa no Anexo 5 do Edital: 1 -  CARSALADE, Flávio de Lemos.   2 -  CHUVA, Marcia R. R. 3 -  FONSECA, Maria Cecília Londres. 4 -

Novo edital do IPHAN apoiará projetos voltados à cultura afrodescendente

Imagem
O Projeto de Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial deverá ser relacionado à música, canto e dança de comunidades afrodescendentes localizadas no Brasil O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) lançará, entre o mês de março e abril de 2013, edital para seleção de projetos com a finalidade de apoiar manifestações e práticas culturais relativas ao patrimônio imaterial de populações afrodescendentes. As atividades dos projetos deverão envolver ações de mapeamento, pesquisa, produção bibliográfica e audiovisual; ações educativas, formação, capacitação e transmissão de saberes; apoio à organização e à mobilização comunitária, à promoção da utilização sustentável dos recursos naturais, entre outras que se relacionem ao universo da música, canto e dança e contribuam para a continuidade da existência de bens culturais imateriais e/ou para a gestão participativa e autônoma da preservação de práticas tradicionais referenciais de comunidades afrodescendente

Curso a distância sobre Patrimônio Imaterial divulga turmas de selecionados

Imagem
J á está disponível no site do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) a lista com os nomes dos selecionados para duas turmas do curso a distância Patrimônio Imaterial: fortalecendo o Sistema Nacional, que tem como objetivo ampliar a discussão e mobilizar a sociedade em torno da salvaguarda do Patrimônio Imaterial – considerando a gestão compartilha pela União. Os selecionados estão entre os 3,2 mil inscritos em todo o país. A proposta inicial era abri apenas uma turma com 200 alunos, mas em função da dimensão e importância que a temática do patrimônio imaterial tem ganhado em todo o Brasil, os organizadores abriram mais uma turma que oferecerá outras 200 vagas aos alunos selecionados a partir das inscrições já recebidas. Veja a lista de aprovados :  Turma 1 [aqui]  e   Turma 2 [aqui] A seleção dos candidatos foi pautada por percentuais de proporcionalidade por estados que compõem as regiões do país (sendo Norte – 25%, Nordeste – 25%, Centro-oeste – 20

Curso a distância sobre Patrimônio Imaterial contata selecionados

Imagem
Com o objetivo de ampliar a discussão e mobilizar a sociedade em torno da salvaguarda do Patrimônio Imaterial – considerando a gestão compartilha pela União, Estados e Municípios, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), em parceria com a UNESCO, realizará o curso a distância “Patrimônio Imaterial: fortalecendo o Sistema Nacional”.  A fase de inscrições contou com 3.200 solicitantes para as 200 vagas ofertadas inicialmente e demonstrou a dimensão e importância que a temática do patrimônio imaterial tem ganhado em todo o Brasil. Com isto, os organizadores abriram mais uma turma que oferecerá outras 200 vagas aos alunos selecionados a partir das inscrições já recebidas.  A seleção dos candidatos foi pautada por percentuais de proporcionalidade por estados que compõem as regiões do país (sendo Norte – 25%, Nordeste – 25%, Centro-oeste – 20%, Sudeste – 15% e Sul – 15%) e por segmento profissional (Gestores Públicos – 35%, Gestores Detentores – 30%, Professor

O forró para patrimônio imaterial

Passeata cultural pede ao Minc pelo tombamento do ritmo Do JC Online Uma passeata cultural foi realizada pelos integrantes da União Nacional dos Estudantes (UNE) no último sábado para promover o forró como patrimônio imaterial. A caminhada foi da Praça do Carmo até o Alto da Sé, em Olinda. Um grupo de maracatu feminino, o Conchitas, ao lado de uma orquestra de frevo, animou a andada: “Os encontros da UNE terminam sempre com esta culturata. Desta vez vamos chamar atenção para a proposta que lançamos nesta bienal de tornar o forró patrimônio imaterial da humanidade. Fred Zeroquatro, da Mundo Livre S/A, e Alceu Valença já confirmaram que apoiam a iniciativa”, diz Daniel Iliescu, presidente da UNE, no cargo há um ano e meio. Quinta-feira ele recebeu o apoio da Secretária Executiva do ministério da Cultura, Jeanine Pires, que comentou a proposta da entidade estudantil: “Ontem estivemos na Bienal da UNE e eles manifestaram oficialmente o desejo que o Iphan - que é o órgão q

IPHAN e UNESCO oferecem curso a distância de Patrimônio Imaterial

Estão abertas as inscrições, até o dia 8 de fevereiro, para o curso  Patrimônio Imaterial: fortalecendo o Sistema Nacional , uma realização do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e da UNESCO no Brasil por meio do Projeto Difusão da Política do Patrimônio Cultural Imaterial no Brasil, e com coordenação técnica da Inspire | Gestão Cultural. Com aulas ministradas a distância, pela internet, o curso acontece entre os dias 1º de março e 4 de maio de 2013. Serão oferecidas 200 vagas para profissionais de todo o Brasil. A iniciativa faz parte das comemorações dos 10 anos da Convenção para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial, de 2003. Será feita seleção das inscrições enviadas e o resultado será divulgado a partir do dia 20 de fevereiro. O curso, gratuito, estruturado em oito disciplinas, tem como objetivo fortalecer as capacidades locais para implementação e execução de políticas de patrimônio imaterial nos estados e municípios brasileiros, por meio d

IPHAN e Ufopa realizam Mostra de documentários etnográficos

O Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular, do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - IPHAN e o Programa de Extensão Cultural da Amazônia da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) realizam de 7 a 11 de janeiro, das 17h30 às 20h, a  Mostra Etnodoc , na sala de exibição do SESC, localizada na rua Floriano Peixoto, 535, centro, Santarém - Pará. A mostra é uma ação de itinerância dos documentários produzidos a partir do Etnodoc - Edital de Apoio a Documentários Etnográficos sobre Patrimônio Cultural Imaterial. Durante a abertura, serão exibidos os documentários, Memórias Cabanas, dirigido por Clodoaldo Corrêa e o Barco do Mestre com direção de Gavin Andrews. Etnodoc Realizado pela Associação Cultural de Amigos do Museu de Folclore Edison Carneiro, em parceria com o Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular – CNFCP – e o Departamento de Patrimônio Imaterial do IPHAN, patrocinado pela Petrobras, o Etnodoc é o Edital de apoio à Produção de documentários et

Prefeito lança projeto para tornar Pampulha patrimônio cultural da humanidade

Imagem
A expectativa é de que o documento com fotos, histórico e outros registros seja entregue Iphan ao órgão da ONU, responsável pela concessão do título, dentro de um ano Gustavo Werneck Publicação:   15/12/2012 15:56   Atualização:   15/12/2012 16:08 "O reconhecimento vai valorizar o espaço e poderá atrair apoio financeiro", disse o prefeito, certo de que o resultado poderá sair entre 2015 e 2016 Em solenidade no Museu de Arte (MAP), o prefeito Márcio Lacerda assinou neste sábado uma portaria criando a comissão para acompanhar o projeto para tornar a Pampulha patrimônio cultural da humanidade. A peça principal do projeto é um dossiê a ser encaminhado à Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco). A expectativa é de que o documento com fotos, histórico e outros registros seja entregue pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) ao órgão da ONU, responsável pela concessão do título, dentro de um ano. Enquanto isso

GDF negocia com o Ministério da Cultura a ampliação do uso da Esplanada

Gizella Rodrigues O Governo do Distrito Federal costura um acordo para disciplinar o uso da Esplanada dos Ministérios como palco de festas. O governador Agnelo Queiroz se reuniu com a ministra da Cultura, Marta Suplicy, e a presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Jurema Machado, em 31 de outubro, a fim de definir em quais datas o gramado central do cartão-postal de Brasília poderá ser ocupado por tendas e palcos. Novo encontro está marcado para a próxima semana e, apesar da tentativa de acordo, o governador afirmou que realizará a festa de Corpus Christi na Esplanada dos Ministérios, em maio de 2013, mesmo com a posição contrária do Iphan no DF. Leia mais notícias em Cidades Depois das declarações do superintendente do Iphan-DF, José Leme Galvão, de que iria proibir a realização de festas no gramado central da Esplanada, Agnelo reagiu e fez duras críticas à posição do órgão. “O Iphan quer dar ordem na Esplanada, impedir que lá se façam eventos. I

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Matricule-se agora!

Matricule-se agora!
Tutoria particular, 90 reais por mês!

Shoptime!

-->